Skip to Store Area:

Loja Virtual

Ensino de Português em comunidades indígenas (1ª e 2ª Língua)

Duplo clique na imagem acima para visualizá-la maior

Reduzir
Aumentar

Mais Visualizações

Ensino de Português em comunidades indígenas (1ª e 2ª Língua)

Seja o primeiro a comentar este produto

Disponibilidade: Em Estoque.

De: R$34,00

Por:
R$30,00

Acrescentar itens ao carrinho Comprar

Descrição Rápida


Title: Ensino de Português em comunidades indígenas (1ª e 2ª Língua)
Editor: Wilmar R. D'Angelis
Publisher: Editora Curt Nimuendajú

ISBN: 978-85-99944-37-0


FILE TECHNICAL

1t Edition: 2012
Capa/Cover: Brochura
Dimentions: 145 x 210 mm
Pages: 168
Weight: 220 g




 


Ensino de Português em comunidades indígenas (1ª e 2ª Língua)


No campo da educação escolar indígena, a questão do ensino de português para brasileiros falantes nativos de outras línguas ainda não tem merecido a devida atenção e interesse.

Apesar da raridade de publicações sobre o tema, o ensino de português para comunidades indígenas não falantes nativas dessa língua acontece no Brasil há séculos, e teve um enorme impulso e um vertiginoso crescimento depois de 1991, quando a responsabilidade da educação escolar em comunidades indígenas passou do âmbito da FUNAI para o MEC.

Muitas questões teóricas e práticas também são suscitadas pelo ensino de português em comunidades indígenas que não preservam uma língua ancestral. O que aparentaria ser uma prática pouco desafiadora e nada problemática, na verdade revela a fragilidade da ideia de “língua materna” como a primeira língua adquirida. Ainda que seja esse o caso, em muitas comunidades indígenas monolíngues em português a língua nacional não deixa de ser vista como “a língua do colonizador”, e o significado político e psicológico disso tem reflexo direto no ensino escolar. Em uma escolarização bem conduzida isso deveria influenciar a discussão e planejamento dos métodos de ensino.

Este livro reúne estudos, descrições e avaliações de práticas de ensino de português em escolas de diversas minorias étnicas, bem como em programas de formação de professores indígenas (em nível médio e superior), e constitui uma primeira tentativa de colocar em comum os problemas e soluções experimentados em contextos tão díspares. 

Os estudos aqui reunidos são parte das comunicações apresentadas em um Grupo de Trabalho que integrou a programação do II SIELP (Simpósio Internacional de Ensino da Língua Portuguesa), realizado na Universidade Federal de Uberlândia (MG), grupo que foi organizado e coordenado pelos professores doutores Dulce Franceschini (UFU) e Wilmar D’Angelis (Unicamp).

Acrescentar suas Tags:
Acrescentar Tags
Utilize espaços para separar tags. Utilize aspas simples (') para frases.